Autoridades falam a favor da EFMM na sessão da Assembléia Legislativa. Soldados da Borracha e Ex-Ferroviários são homenageados.

 No ano em que se comemora os 100 anos de história da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, muitas homenagens têm sido prestadas. Na manhã desta quarta-feira (6), foi realizada na Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE/RO) uma sessão solene em homenagem ao centenário da ferrovia, proposta pelo presidente da ALE, Hermínio Coelho.

O presidente da casa de leis agradeceu a presença de todos e ressaltou que a Assembleia trabalha para atender aos interesses da população e uma comemoração como esta não poderia passar em branco. “Estamos aqui homenageando a história do nosso povo e é uma satisfação proporcionar este momento. Na oportunidade defendemos também a bandeira levantada pelo procurador do Iphan, Ricardo Leite, sobre a candidatura da EFMM a patrimônio da humanidade junto as Nações Unidas”, afirmou Hermínio.

Durante a solenidade várias autoridades e personagens importantes para esta história estiveram no púlpito prestando suas homenagens aos mais de 25 mil homens de diversas nacionalidades que se dedicaram para a construção. Vários vídeos foram apresentados retratando a história e convidando a população para participar da campanha em prol da candidatura da EFMM a patrimônio da humanidade.

O historiador Anísio Gorayeb aproveitou a oportunidade para lembrar um pouco da trajetória da ferrovia enquanto mostrava fotos da época, tiradas pelo fotógrafo americano Danna Merryl.

O secretário dos Esportes, da Cultura e do Lazer, Francisco Leilson (Chicão) falou sobre os projetos do governo do Estado por meio da Secel em parceria com órgãos públicos e privados. “Este ano tem uma agenda repleta de eventos alusivos à comemoração da EFMM, tanto no segmento cultural quanto esportivo. Além disso, estamos trabalhando em ações que visam preservar o acervo do museu da ferrovia para que os detalhes de sua história possam ser vistos por tantas outras gerações”.

O Secretário informou ainda que o Governo do Estado vai contratar uma consultoria para sistematizar a proposta de candidatura da EFMM. “Trata-se da mesma equipe que conseguiu incluir na Unesco os dois últimos bens brasileiros: a praça de Sergipe e a cidade de Goiás Velho”.

Ao final, os presentes assinaram a lista que mostra o interesse da população na candidatura da Estrada de Ferro Madeira Mamoré a patrimônio da humanidade que será encaminhada a presidenta Dilma Roussef. A assinatura também pode ser feita pela internet através do site:  ttp://www.peticoesonline.com/peticao/estrada-de-ferro-mandeira-mamore-para-patrimonio-mundial-da-unesco/443

Fonte: Departamento de Comunicação do Governo do Estado

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.